A OBRIGAÇÃO E A RECOMPENSA DAQUELES QUE SE ENTREGAM À OBRA DE DEUS

Saint Martin O Filósofo Desconhecido


As almas humanas que seguem o ardor da Divindade, possuem pesadas obrigações a cumprir e grande trabalho a realizar; mas tem também altas retribuições a esperar, além de poderosos auxílios durante sua obra; eles são fortificados por um grande verbo de comando que, quando emitido, coloca toda sua força e poderes em ação e atividade; este deve ser a vida, a luz e o suporte do Homem, assim como, na ordem militar, a palavra de comando, consiste na segurança de todo exército.

Além do mais, não são estas almas abundantemente recompensadas pela felicidade de darem seu testemunho? pois aqueles que testemunharem serão reconhecidos como servos fiéis; é particularmente nas almas dos homens que temos que dar nosso testemunho. O testemunho que devemos implantar nas almas dos homens irá ressuscitar com eles e servir como evidência a nosso favor, pois, não só nossos próprios débitos poderão ser sanados como também poderemos ser recompensados.

Oh, servo do Senhor! faça todo esforço que puder a fim de ser enviado como testemunha e não permanecer sem consolo e esperança quanto ao futuro. Felizes serás se, a cada dia, for capaz de dizer: Eu não perdi o dia; fiz nascer uma testemunha na alma de um homem (no mais íntimo desta alma, mesmo sem que os olhos materiais deste homem nada tenham visto); e que através deste trabalho adicionei algo mais ao meu crédito para o futuro!

Podes até esperar que Deus te pague por este testemunho ainda neste plano, não apenas com as alegrias que Ele irá despertar em tua alma, mas até mesmo com os auxílios manifestos que Ele irá te enviar e com as obras divinas e maravilhosas que Ele irá fazer surgir de tuas mãos, como uma espécie de recompensa, retorno ou troca pelos serviços prestados a Ele em seu Ministério Espiritual do Homem

HOME